RA 15366

LUVA PARA PROTEÇÃO CONTRA AGENTES MECÂNICOS, QUÍMICOS E TÉRMICOS
DVT COMERCIO, IMPORTACAO E EXPORTACAO LTDA

  • VÁLIDO

Vencimento em 15/05/2025

Descrição

Luva de segurança confeccionada em malha de algodão, totalmente revestida em látex natural reforçado, revestimento espesso antiderrapante, acabamento corrugado na palma, dedos e dorso, punho reto.

Aprovado para

PROTEÇÃO DAS MÃOS DO USUÁRIO CONTRA AGENTES ABRASIVOS, ESCORIANTES, CORTANTES E PERFURANTES, CONTRA AGENTES TÉRMICOS (PEQUENAS CHAMAS, CALOR DE CONTATO, CONVECTIVO, RADIANTE E METAIS FUNDIDOS), CONTRA AGENTES TÉRMICOS (FRIO) E CONTRA AGENTES QUÍMICOS (AMINAS (G), ÉSTERES (I), HIDROCARBONETOS SATURADOS (J), BASES INORGÂNICAS (K), ÁCIDOS ORGÂNICOS (N), PERÓXIDOS (P) E ALDEÍDOS (T)).

Referência do Produto

DA-SL530

Número do Laudo

1 112 243 - 203

Aprovado pelo Laboratório

IPT/SP - INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS

CNPJ do Laboratório

60.633.674/0001-55

Fabricante

DVT COMERCIO, IMPORTACAO E EXPORTACAO LTDA

CNPJ do Fabricante

07.439.329/0001-12

Natureza

Importado

Cor

Laranja

Tamanho

7,8,9 e 10

Marcação de RA

Gravação no dorso

Restrições

EPI NÃO APROVADO CONTRA SOLDAGEM, ARCO ELÉTRICO, FOGO REPENTINO E COMBATE A INCÊNDIO.

Norma(s) Técnica(s)

EN 407:2004; EN 511:2006; EN 420:2010; BS EN 420:2003 + A1:2009; EN 374-2:2014; BS EN 16523-1:2015; EN 374-1:2016; DIN EN 388/2017; DIN EN 374-4: 2014;

Observação

I) O EPI obteve resultado de níveis de desempenho 2141B para BS EN 388, com valores variando de 1 (um) a 4 (quatro) para abrasão, rasgamento e perfuração e 1 (um) a 5 (cinco) para corte, sendo 1 (um) o pior resultado, em que: 2 - resistência à abrasão; 1 - resistência ao corte por lâmina; 4 - resistência ao rasgamento; 1 - resistência à perfuração por punção; B - resistência ao corte TDM (ensaio adicional previsto na norma EN ISO 13997, com valores variando de A a F, sendo F o melhor resultado). II) O EPI obteve resultado de níveis de desempenho 134244 para a EN 407:2004, em que os valores variam de 1 (um) a 4 (quatro), sendo 1 (um) o pior resultado: 1 - propagação de pequenas chamas; 3 - calor de contato; 4 - calor convectivo; 2 - calor radiante; 4 - respingos de metais fundidos; 4 - grandes massas de metal fundido (ferro a 1400º C). III) O EPI obteve nível de desempenho “1” para o requisito de resistência à penetração de água da EN 511:2006, sendo que "1" indica que não houve penetração de água. IV) O EPI obteve resultados de nível de desempenho "1", no ensaio de isolamento térmico, e "1", no ensaio de resistência térmica, para EN 511:2006, com valores variando de 1 (um) a 4 (quatro), sendo 1 (um) o pior resultado. V) Luva de proteção química TIPO A. Níveis de desempenho apresentados para resistência à permeação, segundo a EN 374, com valores variando de 1 a 6, sendo 6 o melhor resultado: 1 – Acetona; 1 – Acetonitrila; 1 - Diclorometano; 1 - Sulfeto de Carbono; 1 - Tolueno; 3 - Dietilamina; 2 - Acetato Etílico; 2 - n-Heptano; 6 - Hidróxido de Sódio 40%; 1 - Ácido Sulfúrico 96%; 3 - Ácido Acético 99%; 1 - Hidróxido de Amônio 25%; 2 - Peróxido de Hidrogênio 30%; 6 - Formaldeído 37%. VI) Não utilizar para procedimentos cirúrgicos e demais procedimentos hospitalares. VII) Demais especificações técnicas do EPI deverão ser obtidas junto ao importador.

Já conhece o aplicativo?

Gerencie os seus CAs na palma da sua mão!